Suíno Preço Base
Cooper Central Aurora: R$ 3,10
Pamplona: R$ 3,10
BRF (Sadia/Perdigão): R$ 3,00
JBS Foods: R$ 3,10
+ Bonificação de Carcaça (Média da Bonificação 10%)

Ver Histórico

Bolsa de Suínos
Santa Catarina: R$ 3,80
São Paulo: R$ 3,90
Minas Gerais: R$ 4,20
Paraná: R$ 3,75

Ver Histórico

Mercado de Grãos - Santa Catarina
Milho: R$ 35,90 (Referência Copérdia)
Farelo de Soja: R$ 1,20

Ver Histórico

 
Links da Suinocultura
ABCS
ABPA
CANAL RURAL
CEPEA
CIDASC
CNA
EMBRAPA
FAESC SENAR/SC
FATMA
MAPA
MDIC
NOTÍCIAS AGRÍCOLAS
O PRESENTE RURAL
PÁGINA RURAL
PORKWORLD
SAFRAS & MERCADO
SEC. DA AGRICULTURA
SUINO.COM
SUINOCULTURA INDUSTRIAL
TERRA VIVA
 
ou data:
NOTÍCIAS DE MERCADO
12/01/2018 às 8h32
ARTIGO: Um retrato do Brasil no cadastro ambiental rural
Por José Zeferino Pedrozo, presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de SC (Faesc) e do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar/SC)
Compartilhe esta notícia:



Informação de qualidade é essencial para conhecer, diagnosticar e planificar o desenvolvimento de qualquer segmento da atividade econômica. Nesse sentido, contribuição extraordinária ao setor primário será prestado pelo Cadastro Ambiental Rural (CAR) criado pelo novo Código Florestal Brasileiro, a Lei 12.651, de 25 de maio de 2012.

Todas as propriedades rurais do País devem ser cadastradas. A massa de informações aportadas em cada cadastro fornece, no conjunto, subsídio valioso para se compreender o atual estágio da agricultura tal qual uma fotografia em alta definição.
 
A área efetivamente utilizada para as atividades agrícolas e pecuárias, as áreas de proteção ambiental, a intensidade da exploração econômica – enfim, todas as informações relevantes da ação humana nos imóveis rurais estarão disponíveis. Esse registro público eletrônico de âmbito nacional, obrigatório para todos os imóveis rurais, integrará as informações ambientais das propriedades e posses rurais, compondo base de dados para controle, monitoramento, planejamento econômico-ambiental e combate ao desmatamento.
 
Importante realçar que as classes produtoras rurais compreenderam a importância e aderiram ao CAR: mais de 4,2 milhões de imóveis rurais estão inscritos no Sistema Nacional de Cadastro Ambiental Rural, o SICAR, sob a responsabilidade do Ministério do Meio Ambiente (MMA). Esse enorme banco de dados geocodificados cria a perspectiva da qualificação e quantificação das áreas destinadas à preservação da vegetação nos imóveis rurais com base em mapas delimitados sobre imagens de satélite com 5 metros de resolução espacial.
 
Isso é muito diferente dos censos do IBGE baseado apenas nas declarações dos produtores. Em cada um dos registros do CAR, além do perímetro do imóvel, o agricultor delimitou cartograficamente a localização dos remanescentes de vegetação nativa, das áreas de preservação permanente, das áreas de uso restrito, das áreas consolidadas e, caso existente, também da localização da reserva legal.
 
O CAR expressa a dimensão da agricultura, locomotiva do desenvolvimento econômico do Brasil.  Ela emprega mais de 32 milhões de trabalhadores (33% dos empregados no país) e mantém crescimento sustentado com participação no Produto Interno Bruto total de 23,6%. O Brasil tem participação relevante no mercado internacional, liderando produção e exportação de uma dezena de produtos agropecuários.
 
Na última semana do ano, o presidente Michel Temer assinou decreto que prorroga para 31 de maio de 2018 o prazo para que produtores façam sua inscrição no Cadastro. A medida foi necessária porque pequenos produtores vêm encontrando dificuldades de acessar o sistema e informar seus dados ambientais. Uma coisa é certa: o planejamento da agricultura brasileira dará um salto de qualidade.

Fonte: Faesc/Senar
 
Comentário
 
      Nenhum comentário para esta notícia!
Deixe seu Comentário para a notícia "ARTIGO: Um retrato do Brasil no cadastro ambiental rural"
(*) - Todos os campos são de preenchimento obrigatório.
Seu Nome*:
Seu E-mail*:
(o email não será publicado)
Cidade*:
Estado*:
Comentário*:
  500 caracteres restantes.
Eu li e aceito as regras de publicação de comentários. VER REGRAS

VEJA TAMBÉM - Outras Notícias da Categoria NOTÍCIAS DE MERCADO
16/01/2018 - De Heus planeja 2018 com 30% a mais de faturamento na companhia
A De Heus fechou 2017 com muitos investimentos no Brasil e avanços na tecnologia do segmento agro. Com participação em diversas...
16/01/2018 - Santa Catarina fatura 2,6 bilhões de dólares com exportações de carnes em 2017
Santa Catarina encerrou 2017 faturando alto com as exportações de carnes. Ao todo, o estado embarcou mais de 1,34...
16/01/2018 - México pode vender mais carne suína para os EUA
Todos os estados mexicanos agora podem vender mais carne suína para o vizinho do Norte, informou o Global Meat News, após o...
15/01/2018 - Estudo sobre a Suinocultura Paulista será apresentado nesta segunda-feira
Em busca de detectar possíveis entraves na produção e avaliar a conformidade dos padrões mínimos de qualidade para carne suína, na...
12/01/2018 - EUA: uso de antibióticos na criação de animais diminui, diz FDA
A pressão sobre restaurantes, empresas de alimentos e processadoras de carne para reduzir o uso de antibióticos na criação de aves...
12/01/2018 - Abertura de mercados e retorno da Rússia vão determinar resultados dos suínos
A expectativa de embarcar, já no início deste ano, os primeiros lotes de carne de Santa Catarina para a Coreia do Sul deixa o...
11/01/2018 - SUÍNOS: Para absorver o excedente externo, setor deve ampliar destinos
Estudo do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada), da Esalq/USP, indica que o consumo doméstico de carne suína...
11/01/2018 - Funrural tem redução de 40% na alíquota de contribuição
​ O presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária, deputado federal Nilson Leitão (PSDB-MT), autor do PLC 165/2017...
11/01/2018 - Custos de produção serão definidos a partir do milho safrinha em 2018
Os custos de produção de suínos serão definidos a partir do milho safrinha em 2018, é o que aponta a análise divulgada pelo...
10/01/2018 - BRF anuncia nova marca para mercado de alimentos processados no Brasil
A BRF vai começar neste mês o trabalho de venda de sua terceira marca de alimentos processados, apostando em um segmento com preço...
 
 
Rua do Comércio, nº 655
Centro, Concórdia / SC
CEP: 89700-089
Diretoria
Granjas de Material Genético
50 anos de ACCS
55 anos de ACCS
Relatórios Anuais
Frente Parlamentar
Núcleos e Associações
50 anos ACCS
55 anos ACCS
Rádio ACCS
TV ACCS
Notícias
Links da Suinocultura
Receitas
Newsletter
Agenda de Eventos
Previsão do Tempo
Galeria de Fotos
© - Ideia Good - Soluções para Internet